OUÇA UM BOM CONSELHO

HOME > OUÇA UM BOM CONSELHO



HOME > OUÇA UM BOM CONSELHO




OUÇA UM BOM CONSELHO


O poder da imitação (ou, as bananas, os chimpanzés e os humanos)

Numa experiência comportamental realizada na Universidade de Kioto, no Japão, um grupo de cientistas colocou cinco macacos numa jaula...

Publicada em: 23/07/2013



Os chimpanzés são na escala evolutiva da espécie humana, nossos parentes mais próximos. São nossos "primos". Nosso código genético é 97 % igual ao deles!! Assim, as experiências médicas e comportamentais realizadas em laboratórios, usando chimpanzés, alcançam resultados muitos semelhantes aos que se obteria empregando humanos. Pois bem, numa experiência comportamental realizada na Universidade de Kioto, no Japão, um grupo de cientistas colocou cinco macacos numa jaula. No meio da jaula, uma escada e, sobre ela, um cacho de bananas.

Quando um macaco subia na escada para pegar as bananas, os cientistas jogavam um jato forte de água gelada nos que estavam no chão. Depois de certo tempo repetindo o experimento, sempre que um dos macacos começava a subir a escada, os outros o pegavam e batiam muito nele, impedindo-o de chegar às bananas.

Após alguns dias de experimento, nenhum macaco tentava mais subir a escada, apesar da tentação das bananas.

Então os cientistas substituíram um dos macacos por outro, vindo de um laboratório distante. A primeira atitude do novo morador foi subir a escada. Mas ele logo foi agarrado pelos outros, que o surraram. Antes mesmo que os cientistas usassem o jato de água gelada.

Depois de algumas surras, o novo integrante do grupo não mais tentava subir a escada.

Um segundo foi substituído, e o mesmo ocorreu ? tendo o primeiro substituto participado com grande entusiasmo da surra ao novato.

Um terceiro foi trocado e o mesmo ocorreu. Um quarto e, afinal, o último dos veteranos foi substituído.

Os cientistas, então, ficaram com o grupo de cinco novos macacos que, mesmo nunca tendo tomado um banho gelado, continuavam batendo naquele que tentasse pegar as bananas. Se fosse possível perguntar a algum deles por que eles batiam em quem tentasse subir a escada, com certeza a resposta seria:

?Não sei, mas as coisas sempre foram assim por aqui?.

LIÇÕES DA HISTÓRIA: O que esta experiência nos ensina? Ensina que, quase sempre, principalmente no ambiente de trabalho, copiamos o comportamento do grupo, mesmo prejudicando a nós mesmos e aos companheiros. Assim, atitudes hostis, violentas, são praticadas uns contra os outros, só por imitação, achando que se os mais velhos fazem assim, assim deve ser o certo. Como seria bom se, de vez em quando, cada um se perguntasse: "Que benefício traz esta atitude, este modo de agir, para mim, para meus colegas e para nossos resultados?", "Para que serve esse comportamento do nosso grupo. Não seria melhor tentar de outro modo?"

Enviada por JC
Edição: F.C.
23.07.2013


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.







Destaques: