NOTÍCIAS

HOME > NOTÍCIAS



HOME > NOTÍCIAS




DICAS


Livre-se dos incômodos da TPM

Fatores físicos e comportamentais na TPM podem atuar significativamente na vida da mulher, pois mexem com o humor de maneira relevante.

Publicada em: 01/06/2007



Para muitas mulheres, o período que antecede a menstruação pode ser transformado em um verdadeiro inferno. Além dos diversos sintomas, a TPM pode interferir negativamente no comportamento, afetando os relacionamentos pessoais, afetivos e profissionais. Existem muitas hipóteses ainda estudadas por especialistas para explicar as causas dessa desordem ? ou melhor, Síndrome Pré-Mestrual, como é chamada pelos médicos. A mais comum é que os hormônios sexuais, durante o ciclo menstrual, interferem no sistema nervoso central. ?Ou seja, alterações no estrogênio e na progesterona poderiam afetar os neurotransmissores, como a serotonina, e também as substâncias naturais ligadas à sensação de prazer, como endorfinas. O resultado seria desequilíbrio emocional?, explica Artur Dzik, ginecologista e diretor da Sociedade Brasileira de Reprodução Humana (SBRH).

Sintomas

Apesar de parecer que todas as mulheres sofrem da mesma forma com a TPM, os sintomas variam de uma para a outra. Segundo o ginecologista, as queixas mais comuns podem ser divididas em quatro alterações. ?A primeira é a retenção de sódio e água, que causa inchaço e ganho de peso. A segunda está relacionada a mudanças no sistema nervoso central, resultando em mau humor e irritabilidade. A terceira é a presença de cólicas uterinas, lombalgias, cefaléias e outras dores. Por fim, as alterações endócrinas, como o descontrole dos hormônios estrogênio e progesterona?, cita Dzik.

Mas a lista de sintomas é ainda maior. Depressão, pensamentos autodepressivos, ansiedade, tensão, nervosismo, diminuição do interesse pelas atividades habituais, dificuldade de concentração, alteração de apetite, cansaço, tristeza, carência afetiva, entre outros. Ainda assim, para que esses sintomas estejam efetivamente ligados à TPM, eles devem interferir nas atividades cotidianas da mulher e só podem ocorrer na fase pré-menstrual, e não no ciclo inteiro.


Comportamento

Segundo a terapeuta sexual Margareth dos Reis, os fatores físicos e comportamentais na TPM podem atuar significativamente na vida da mulher, pois mexem com o humor de maneira relevante. ?Nesse período, ela tem vontades especificamente de alguns alimentos, como chocolate. Por alteração do nível de serotonina, sente falta de doces. Ao mesmo tempo em que fica louca para comê-los, sente culpa por não conter esse desejo. A ansiedade fica multiplicada por mil?, aponta. Isso sem contar as lamúrias constantes e o choro fácil.


 ?As mudanças de humor da mulher as tornam muito chatas, e os homens não têm paciência com isso. E a vontade de discutir a relação? Aumenta ainda mais na TPM. É difícil dar um basta nessas sensações, pois elas vêm como uma avalanche, e muitas mulheres não sabem como assumir o controle. A culpa vem e elas se sentem derrotadas. Choram. E os homens ficam pasmos, sem saber como agir. Evidentemente, eles não foram criados sabendo sobre a TPM?, observa.

Dicas

Anote alguns alimentos recomendados e outros a serem evitados neste período.

- Melancia: esta fruta tem altas quantidades de magnésio, que em conseqüência das alterações hormonais do período é o nutriente mais perdido na TPM. Além disso, contém bastante água, diminuindo o inchaço.

- Nozes e castanhas: ricos em gorduras boas, as famosas ômega 3 e 6, estas oleaginosas estão relacionadas à melhora do humor e ajudam na TPM, regularizando o desequilíbrio hormonal característico do período. Só tome cuidado, pois são calóricos!

- Leite e derivados: ricos em cálcio, nutriente muito perdido nesta fase e que tem importância ímpar na sua saúde. De preferência, utilize os leite e iogurtes desnatados ou com 0% de gordura. Quanto aos queijos, prefira os brancos. Eles são menos calóricos e podem ser consumidos em maiores quantidades.

Evite

- Frituras e outros alimentos gordurosos: são extremamente calóricos, levando ao maior ganho de peso. Além disso, contêm sal, que leva ao inchaço e à retenção de líquidos.

- Refrigerantes: possui altas quantidades de sódio, que piora a retenção de líquidos, já comum nesta fase.

- Álcool: cuidado com a ingestão de bebidas alcoólicas, pois quando não bem digeridas, podem propiciar a formação de gases - o que não é nada confortável.

- Café e chá preto: assim como o refrigerante, essas bebidas contêm cafeína, que é um potente irritante. Por isso, atenção ao consumo desses alimentos.

Fonte: Cyber Diet
Edição: A.C. L
01.06.2007



Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.







Destaques: