VOCÊ PRECISA SABER

HOME > VOCÊ PRECISA SABER



HOME > VOCÊ PRECISA SABER




VOCÊ PRECISA SABER


Tomar vitamina C evita resfriado? Saiba mais sobre a vitamina mais consumida

Todo mundo sabe que o ácido ascórbico, o outro nome da vitamina C, tem como principal função fortalecer o sistema...

Publicada em: 01/08/2012



Todo mundo sabe que o ácido ascórbico, o outro nome da vitamina C, tem como principal função fortalecer o sistema imunológico, aumentando a resistência a infecções, gripes e resfriados; e favorecendo a absorção do ferro, ajudando a evitar anemia. Mas o que pouca gente desconfia é que o nutriente é capaz até de beneficiar a saúde do coração e retardar o processo de envelhecimento, bem como o aparecimento de rugas e flacidez.

Por sorte, a quantidade de vitamina C necessária para ter todos esses benefícios é facilmente atingida ao se comer entre três e cinco frutas por dia, já que o organismo tem um limite de absorção do nutriente. Daí a explicação porque não adianta exagerar na dose e tomar de uma só vez suplementos que contêm 1 ou 2 gramas de vitamina C.

?Porém, há situações em que, junto com uma alimentação rica em hortaliças, a suplementação é indicada, como no caso de atletas, praticantes de atividades físicas intensas, doentes crônicos, pessoas que têm gripes e resfriados recorrentes e quem fuma, bebe demais, se alimenta mal ou vive em lugares poluídos?, lista a nutricionista Robena Molinari, do Rio de Janeiro.

Para descobrir como tirar proveito máximo da vitamina C e auxiliar o seu organismo a funcionar bem, descubra quais são as melhores fontes, a forma ideal de consumi-las e os muitos mitos e verdades que rondam este nutriente.

Descubra mitos e verdades sobre a mais popular das vitaminas:

Vitamina C evita gripe e resfriado. MITO: "A vitamina C tem uma participação importante no sistema imunológico, já que fortalece os glóbulos brancos, responsáveis por combater agentes infecciosos. Entretanto, o nutriente não tem capacidade de prevenir essas doenças", afirma a infectologista Raquel Muarrek, do Hospital Leforte, em São Paulo

Depois que se está gripado ou resfriado, não adianta tomar suplemento de vitamina C. MITO: "O suplemento pode ajudar a diminuir os sintomas das doenças e abreviar os dias de mal estar, pois fortalece os glóbulos brancos, responsáveis por combater os agentes infecciosos", diz a infectologista Raquel Muarrek

Um adulto deve ingerir por dia entre 75 mg e 90 mg de vitamina C. VERDADE: "Mulheres acima de 18 anos devem consumir diariamente 75 mg de ácido ascórbico (vitamina C), e homens, 90 mg", diz a nutricionista Vivian Zollar, da Qualy Food Assessoria e Consultoria em Nutrição, em São Paulo, e membro das Câmaras Técnicas do Conselho Regional de Nutricionistas (CRN-3)

Os alimentos com maior teor de vitamina C são as frutas cítricas. VERDADE: um kiwi possui cerca de 98 mg de vitamina C, enquanto um copo de suco de laranja contém aproximadamente 150 mg do nutriente, um pires de chá de morango 50 mg, uma goiaba 184 mg, uma manga 84 mg, um caju 200 mg e um papaia 62 mg

O organismo consegue absorver toda a vitamina C ingerida. MITO: segundo a nutricionista Vivian Zollar, o organismo aproveita entre 70% e 90% da vitamina C ingerida. E nem adianta extrapolar no consumo para aumentar a absorção, pois o efeito vai ser o contrário. "Só para ter uma ideia, a assimilação é de 87% quando você consome de uma única vez 30 mg desse nutriente, cai para 65% ao ingerir 500 mg e para 50% aos 1000 mg. Tudo devido a um mecanismo de controle de excesso de vitaminas", conta a nutricionista funcional Gabriela Maia, do Rio de Janeiro. Daí a sugestão de consumir fontes de vitamina C algumas vezes ao dia. "Três a cinco frutas já dão conta do recado", garante a nutricionista funcional Camila Borduqui, da Clínica Doutor Alan Landecker, em São Paulo

Todo mundo deveria tomar suplemento de vitamina C. MITO: para a nutricionista funcional Gabriela Maia, a necessidade de 75 mg a 90 mg do nutriente por dia é facilmente atingida pela alimentação. "Se comer um único kiwi você já tem o que precisa", exemplifica. Porém, há casos em que a suplementação é indicada. "Quem é muito ativo, atleta, praticante de atividades físicas intensas, tem doenças crônicas, resfriados ou gripes recorrentes, fuma, bebe demais, se alimenta mal ou vive em lugares poluídos expõe constantemente o organismo ao estresse, o que aumenta a produção de radicais livres. E é sabido que a vitamina C é um excelente antioxidante", afirma a nutricionista Robena Molinari, da Clínica Patricia Davidson Haiat Nutrição Funcional, no Rio de Janeiro

A vitamina C fortalece os vasos sanguíneos, o que beneficia o coração. VERDADE: de acordo com a nutricionista Gabriela Maia, a vitamina C é importantíssima para a formação do colágeno e da elastina, que são as maiores estruturas componentes dos vasos sanguíneos. "Por isso, o nutriente ajuda a manter a elasticidade dos vasos e, consequentemente, o bom fluxo sanguíneo, além de prevenir a formação de placas de gordura que levam ao colesterol", conclui ela

A vitamina C oxida rapidamente. VERDADE: a vitamina se perde em contato com o ar, a luz do sol e temperaturas altas. "Para que a oxidação seja menor, é recomendado ingerir alimentos ricos em vitamina C, como frutas e hortaliças, junto com fontes de vitamina E, um potente antioxidante encontrado nos óleos vegetais, nas sementes e nos grãos", ensina a nutricionista Robena Molinari. Outros cuidados que devem ser tomados são: sempre que possível, ingerir a comida crua; guardá-la na geladeira, longe da luz; consumir imediatamente após cortá-la, descascar ou prepará-la; cortá-la em pedaços pequenos para reduzir o tempo de cozimento, e fazer isso no vapor ao invés de usar água

A vitamina C é essencial para quem malha ou quer combater o estresse. VERDADE: "Já está comprovado que o nutriente participa da formação do colágeno, agindo na manutenção da saúde dos tendões, dos ligamentos e das articulações. Por isso, ajuda a prevenir lesões em atletas e pessoas que praticam atividades físicas intensas, como corredores", conta a nutricionista Robena Molinari. Ela completa: "A ingestão diária de vitamina C também pode reduzir e modular a produção de cortisol, um hormônio gerado em situações de estresse".

A vitamina C dos alimentos ajuda a prevenir o envelhecimento precoce. VERDADE:por ter ação antioxidante, a vitamina C combate os radicais livres que aceleram o envelhecimento celular e agilizam o aparecimento das rugas e da flacidez. "Por isso é que, em alguns casos, a suplementação é indicada a partir dos 40 ou 50 anos, quando há uma queda acentuada na produção das fibras de colágeno, que dão sustentação à pele", explica a nutricionista Camila Borduqui


Fonte: UOL
Edição: F.C.
01.08.2012



Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.







Destaques: