Prevenção

Instalações elétricas malfeitas provocam choques, incêndios e fazem vítimas

Fios desemcapados ou emaranhados dentro de uma parede. Vários eletrodomésticos ligados na mesma tomada. Será que é seguro? As estatísticas mostram que não.

Terça-feira, 26 de Agosto de 2008

É um grande perigo dentro de casa. Pode provocar choques, incêndios e fazer vítimas. Todas as semanas, há casos com mortos e feridos por causa de instalações inadequadas.

Eletricidade é coisa séria e perigosa. Em Santa Catarina, há cerca de suas semanas, mãe e filha morreram com um choque elétrico, provocado por um secador que estava em cima da pia molhada. Todo ano, mais de cem brasileiros morrem vítimas da eletricidade. O perigo pode estar em muitos lugares dentro de casa.

Ferro de passar em cima da pia. Perto da tomada, uma pilha de papéis e sacos plásticos. "Benjamins", com vários eletrodomésticos ligados. Extensões e fios para todos os lados.

Não enxergar o que está atrás das paredes pode dar uma falsa sensação de segurança, mas o perigo é iminente. Instalações elétricas mal feitas e mal conservadas são a segunda maior causa de incêndios no estado de São Paulo, de acordo com estimativas do Corpo de Bombeiros.

Para saber se a sua casa precisa de reparos elétricos, fique atento aos seguintes sinais: tomadas e interruptores que esquentam; quedas freqüentes do disjuntor; geladeira que pára de funcionar por alguns instantes; fios e cabos derretidos; mal cheiro e fumaça.

Além de garantir a segurança, conferir ou refazer pontos críticos da rede elétrica, traz economia. Pois a conta de luz fica mais barata. O engenheiro eletricista Ricardo Santos D´Avila da Universidade de São Paulo (USP) explica: com problemas nas instalações, a perda de energia é maior. ?Podemos estimar que ela se dá da ordem de 1,5 a 2,5 % da energia que passa pelo medidor?, diz o pesquisador.

As perdas provocadas por instalações elétricas mal feitas chegam a quase R$ 7 milhões por ano. Isso sem contar os gastos para tratar quem sofreu acidente com energia.


Fonte: Bom Dia Brasil
Edição: F.C.
26.08.2008

Imprimir
Enviar por email
Comunicar erro
Permalink
Comentários

Nenhum comentário cadastrado. Seja o primeiro!

Adicionar comentário